INSÔÔNIA.com
jul
05
2008
Sem categoria / Por: Gislaine Lima ás 13:18

O Google revelou como funciona o novo filtro de conteúdo que deve inibir a publicação de conteúdo impróprio no orkut.

Pressionado pelo Ministério Público e, mais recentemente, pela CPI da Pedofilia, que acontece no Senado, o Google investiu no desenvolvimento de ferramentas para prevenir o upload de conteúdos ilícitos na rede social.

“O filtro funciona como uma impressão digital. As imagens identificadas como impróprias, recebem um tratamento antes de sair do ar. Isto permite que fiquem marcadas em nosso servidor. Cada vez que alguém tentar subir essa foto, ela será bloqueada”, explica Alexandre Hohagen, presidente do Google Brasil.

Os usuários flagrados nessa tentativa, no entanto, não serão punidos. Apenas os que já tiverem colocado as fotos em suas comunidades antes de elas serem marcadas serão notificados.

Outra medida do Google é fazer a replicação do conteúdo armazenado em servidores no exterior para o território brasileiro.


A iniciativa é importante já que no início de seus embates com o MP, o Google Brasil justificava que não podia abrir os dados de usuários do orkut, pois eles estavavam armazenados nos servidores do Google Inc., nos Estados Unidos e, portando, sob leis americanas de proteção à privacidade.

Num acordo com a ONG SaferNet, o Google também receberá uma lista de links de comunidades que possuem conteúdo supostamente ilícito para ser analisado por uma equipe brasileira da empresa.

“Recebemos hoje cerca de 500 links por dia da SaferNet”, afirma o presidente do Google. Só de janeiro a julho desse ano, a ONG, especializada no combate à pedofilia digital, registrou 18 mil denúncias de atitudes suspeitas envolvendo crianças no orkut.

Todas estas medidas foram acertadas com o Ministério Público Federal, com quem o Google fechou um acordo.

Achei interessante, mas confesso que fiquei com medo… sou dono de algumas comunidades, no entanto não poderei mais postar qualquer foto nelas.

Fonte:Info Online

Computação, Computador
Computação, Computador
jul
05
2008
Desde seu lançamento, em 1999, a Suzuki Hayabusa GSX-1300R fez história por ultrapassar a barreira dos 300 km/h. Lançada na Europa no ano passado, a versão 2008 da cultuada superesportiva com diversas modificações e tecnologia de ponta chega agora oficialmente ao país.
Alguns importadores independentes já disponibilizavam o modelo, geralmente importado dos Estados Unidos, mas a J.Toledo/Suzuki da Amazônia alerta aos consumidores mais afoitos que compraram estas unidades: além de não estarem “tropicalizadas”, ou seja, adaptadas a nosso combustível com uma porcentagem de álcool, essas motos não estão cobertas pela garantia de fábrica.

A nova Hayabusa já pode ser encontrada nas concessionári
as autorizadas Suzuki nas cores laranja, branca, azul e preta, a um preço sugerido de R$ 61,2 mil.

Mudanças

O motor da Hayabusa ficou maior. Passou dos antigos 1.299 cm³ para 1.340 cm³. O propulsor de quatro cilindros em linha, 16 válvulas, DOHC, teve as câmaras de combustão redesenhadas para aumentar em 11% a eficiência na queima da mistura. Sem falar no novo sistema de alimentação, com dois bicos injetores por cilindro. As válvulas e os cilindros também mudaram, resultando em uma taxa de compressão maior: 12,5:1. Agora a potência máxima já foi divulgada: 197 cv – um aumento de 25 cv em relação ao modelo anterior, que tinha 172 cv.

Outra grande novidade foi a adoção do Suzuki Drive Mode Selector (S-DMS). Trata-se de um seletor do modo de funcionamento do motor, que controla diversas funções. Há três opções: no modo “A” o motor trabalha com força total e entrega toda a potência; no “B”, a entrega de potência é diminuída em baixas rotações, ideal para circuitos travados; já no modo “C” mantém pouca potência em médios e baixos regimes, mas o motor pára de entregar mais potência acima das 8.000 rpm, bastante útil em piso molhado. É o mesmo sistema utilizado nas motos de competição e que também já equipa a Suzuki GSX-R 1000 K7.
No drivetrain há ainda um câmbio de seis marchas. Em conjunto foi instalada uma embreagem “anti-travamento” com limitador de torque para suavizar os trancos na redução de marchas.

Fonte: www.webmotors.com.br

Novidades
Novidades
anuncie
jul
04
2008


Clique na imagem para aumentar

Isso mesmo galera, o InsOOnia teve visitantes do Japão, isso prova que estamos ficando mundialmente conhecidos.

Blog Insoonia, Gislaine Lima, Gleicou Bruno, Wodpress
Blog Insoonia, Gislaine Lima, Gleicou Bruno, Wodpress
jul
04
2008
Sem categoria / Por: Gislaine Lima ás 18:11
Joey Chestnut venceu nesta sexta-feira (4) uma disputa de comedores de cachorro-quente realizada em Coney Island (Nova York, EUA). Com isso, ele manterá o título recebido no ano passado, quando venceu o rival Takeru Kobayashi. Foram seis anos consecutivos de reinado até que Kobayashi fosse derrotado por Chestnut, em 2007.

O vencedor comeu 59 hot dogs em dez minutos. Houve então um empate técnico entre Chestnut e Kobayashi. O resultado foi definido depois que os dois finalistas devorarem mais cinco sanduíches cada um.

Milhares de pessoas se reuniram em Coney Island nesta sexta para ver o glutões competirem nesse evento anual. Havia 20 competidores, no total, que deveriam comer o máximo de cachorros-quentes no período de dez minutos — dois minutos a menos do que no ano passado.

Nossa, eu não consigo comer 3 sozinho.
Queria saber onde ele enfiou os hot dogs…

Fonte:G1