INSÔÔNIA.com
maio
14
2009
Curiosidades / Por: Gislaine Lima ás 9:39

Foi o documento de identidade de Edgard Costa, emitido em 1907. Na época,   Costa era o presidente do gabinete de identificaçãoe de estatística da polícia do Distrito Federal, dos tempos em que o Rio de Janeiro era a capital do país. Edgard Costa era advogado e começou no gabinete como auxiliar, em 1905. O RG (sigla para Registro Geral) nem tinha esse nome, e sim registro civil. Antes disso, no século 19, documento era coisa rara no Brasil. Em muitos eventos, como casamentos e óbitos, quem fazia os registros era a Igreja Católica.

rg_insoonia2

Em 1875, foram criados os primeiros cartórios, e em 1888 o registro de nascimentos, casamentos e mortes passou a ser feito obrigatoriamente por órgãos do Estado. Daí vieram os primeiros esboços de um registro geral da população. Os primeiros a serem fichados foram os criminosos, “benefício” que depois passou aos brasileiros que viajavam ao exterior, e, por fim, a todos.

Corujei daki!
RG 1, RG de número 1
RG 1, RG de número 1
maio
12
2009
Curiosidades, Fotos / Por: Gislaine Lima ás 23:47

okapi_01

Você sabia que uma girafa pode se acasalar com uma zebra?

Pois é… o filho dessas duas raças é o OKAPI, uma das duas espécies remanescentes da família Giraffidae, sendo a outra a girafa. É nativo das florestas úmidas do nordeste da República Democrática do Congo, e era conhecido somente pelos habitantes locais até 1901.

O okapi possue uma língua muito longa (aproximadamente 30 cm), azul e flexível, que usa para retirar folhas e frutos das árvores. A língua do bicho é tão longa que lhe permite lamber as próprias pálpebras e limpar as orelhas com ela. É o único mamífero que consegue lamber as próprias orelhas. Os okapis machos possuem pequenos chifres cobertos de pele.

okapi_02

okapi_03

f435e4fd4a855057d7887df0

Medo dessa língua o.O

Corujei daki!
Girafa com Zebra, Ocapi, Okapi
Girafa com Zebra, Ocapi, Okapi
anunciar na revista veja, Quanto custa uma página na veja, revista veja
anunciar na revista veja, Quanto custa uma página na veja, revista veja
anuncie
maio
11
2009
Curiosidades / Por: Gislaine Lima ás 17:09

Lista elaborada anualmente pela consultoria BrandAnalytics/Millward Brown com 180 marcas brasileiras, divulgou as marcas mais valiosas do Brasil em 2009.

1º. Bradesco: R$ 12,064 bilhões

2º. Itaú: R$ 9,878 bilhões

3º. Banco do Brasil: R$ 8,444 bilhões

4º. Skol: R$ 4,084 bilhões

5º. Natura: R$ 3,966 bilhões

6º. Petrobras: R$ 2,308 bilhões

7º. Brahma: R$ 2,019 bilhões

8º. Antarctica: R$ 1,741 bilhão

9º. Unibanco: R$ 1,691 bilhão

10º. Perdigão: R$ 1,129 bilhão

Segundo o diretor-geral da BrandAnalytics e coordenador da pesquisa, Eduardo Tomiya, a valorização das marcas bancárias em um contexto de crise financeira mostram a solidez alcançada por essas empresas. “Em um momento de crise, as pessoas procuram solidez e segurança para proteger seu dinheiro”, afirmou.

A pesquisa mostra que, por setor, os bancos tiveram o maior crescimento entre as marcas mais valiosas, com alta de 11,3% no valor somado das marcas pesquisadas.

Com a crise, as marcas de todos os outros setores avaliados tiveram queda, caso das grifes de empresas de alimentos (-2,5%), bebidas (-3,8%), telecomunicações (-7,4), seguradoras (-12,6%), distribuidoras de combustível (-17,6%), varejo (-25,8%), transporte aéreo (-29,2%), construção e engenharia (-34,6%) e siderurgia/metalurgia (-55%).

Corujei daki!
empresas brasileiras, maiores empresas brasileiras, Marcas mais valiosas do Brasil, Marcas valiosas
empresas brasileiras, maiores empresas brasileiras, Marcas mais valiosas do Brasil, Marcas valiosas
maio
11
2009
Curiosidades / Por: Gislaine Lima ás 7:06

quadro_mae_e_filho5

A mais antiga comemoração dos dias das mães é mitológica. Na Grécia antiga, a entrada da primavera era festejada em honra de Rhea, a Mãe dos Deuses.

O próximo registro está no início do século XVII, quando a Inglaterra começou a dedicar o quarto domingo da Quaresma às mães das operárias inglesas. Nesse dia, as trabalhadoras tinham folga para ficar em casa com as mães. Era chamado de “Mothering Day”, fato que deu origem ao “mothering cake”, um bolo para as mães que tornaria o dia ainda mais festivo.

Nos Estados Unidos, as primeiras sugestões em prol da criação de uma data para a celebração das mães foi dada em 1872 pela escritora Júlia Ward Howe, autora de “O Hino de Batalha da República”. Mas foi outra americana, Ana Jarvis, no Estado da Virgínia Ocidental, que iniciou a campanha para instituir o Dia das Mães.

Em 1905 Ana, filha de pastores, perdeu sua mãe e entrou em grande depressão. Preocupadas com aquele sofrimento, algumas amigas tiveram a idéia de perpetuar a memória de sua mãe com uma festa. Ana quis que a festa fosse estendida a todas as mães, vivas ou mortas, com um dia em que todas as crianças se lembrassem e homenageassem suas mães. A idéia era fortalecer os laços familiares e o respeito pelos pais.

Durante três anos seguidos, Anna lutou para que fosse criado o Dia das Mães. A primeira celebração oficial aconteceu somente em 26 de abril de 1910, quando o governador de Virgínia Ocidental, William E. Glasscock, incorporou o Dia das Mães ao calendário de datas comemorativas daquele estado. Rapidamente, outros estados norte-americanos aderiram à comemoração.

Finalmente, em 1914, o então presidente dos Estados Unidos, Woodrow Wilson (1913-1921), unificou a celebração em todos os estados, estabelecendo que o Dia Nacional das Mães deveria ser comemorado sempre no segundo domingo de maio. A sugestão foi da própria Anna Jarvis. Em breve tempo, mais de 40 países adotaram a data.

O sonho foi realizado, mas, ironicamente, o Dia das Mães se tornou uma data triste para Anna Jarvis. A popularidade do feriado fez com que a data se tornasse uma dia lucrativo para os comerciantes, principalmente para os que vendiam cravos brancos, flor que simboliza a maternidade. “Não criei o dia as mães para ter lucro”, disse furiosa a um repórter, em 1923. Nesta mesmo ano, ela entrou com um processo para cancelar o Dia das Mães, sem sucesso.

Anna passou praticamente toda a vida lutando para que as pessoas reconhecessem a importância das mães. Na maioria das ocasiões, utilizava o próprio dinheiro para levar a causa a diante. Dizia que as pessoas não agradecem freqüentemente o amor que recebem de suas mães. “O amor de uma mãe é diariamente novo”, afirmou certa vez.

Anna morreu em 1948, aos 84 anos. Recebeu cartões comemorativos vindos do mundo todos, por anos seguidos, mas nunca chegou a ser mãe.

Cravos: símbolo da maternidade
Durante a primeira missa das mães, Anna enviou 500 cravos brancos, escolhidos por ela, para a igreja de Grafton. Em um telegrama para a congregação, ela declarou que todos deveriam receber a flor. As mães, em memória do dia, deveriam ganhar dois cravos. Para Anna, a brancura do cravo simbolizava pureza, fidelidade, amor, caridade e beleza. Durante os anos, Anna enviou mais de 10 mil cravos para a igreja, com o mesmo propósito. Os cravos passaram, posteriormente, a ser comercializados.

No Brasil
O primeiro Dia das Mães brasileiro foi promovido pela Associação Cristã de Moços de Porto Alegre, no dia 12 de maio de 1918. Em 1932, o então presidente Getúlio Vargas oficializou a data no segundo domingo de maio. Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que essa data fizesse parte também no calendário oficial da Igreja Católica.

como surgiu o dia das mães, dia das mães, Interessante, Mãe, segundo domingo de maio
como surgiu o dia das mães, dia das mães, Interessante, Mãe, segundo domingo de maio
maio
07
2009
Curiosidades, Dicas / Por: Gislaine Lima ás 14:08

Está devendo a cidade inteira? Não aguenta mais cobradores na sua porta? Faz igual a minha sogra que dá o calote nas lojas da cidade toda com a intenção do nome sair do serasa depois de 5 anos?

Bom… quem sou eu para julgar alguém… Tanto que vou ensinar uma boa  maneira de se livrar de cobradores enjuados sem precisar se esconder ou até mesmo ficar dando desculpas que vai receber semana que vem.

A dica é a seguinte… imprima várias cópias da carta abaixo e entregue para os cobradores, quando os mesmos aparecerem na sua casa! rsrsrs

cartadeumcliente_insoonia

Este caso é verídico! Agora se funciona, eu não sei.

carta de um devedor, cobradores, devedor
carta de um devedor, cobradores, devedor
maio
05
2009
Curiosidades / Por: Gislaine Lima ás 18:18

Taí algumas tecnologias que ficaram pra trás e serão esquecidas num futuro próximo.

1 – Jornais diários impressos

lembranca_bisneto_01Os diários sofreram um grande golpe com esta economia fajuta, mas sinceramente, é algo que já estava por acontecer. Um diário impresso simplesmente não pode competir com a internet e a televisão neste mundo globalizado, o que significa que os jornais logo logo só servirão para embrulhar o peixe da feira, para forrar o fundo de gaiolas ou para perder tempo no banheiro do trabalho.

Muitos diários já passaram, com sucesso, às notícias on-line, e muitos deles estão abandonando suas impressoras para sempre também em busca das notícias on-line. Pode ser que restem uns poucos, alguns dos maiores, como o New York Times, mas quando seus bisnetos recordarem, os jornais impressos serão um clássico.

(mais…)

10 coias, Bisnetos, Computadores, Eletrônicos, Fumantes, Jornais, lista, lista 10
10 coias, Bisnetos, Computadores, Eletrônicos, Fumantes, Jornais, lista, lista 10
maio
05
2009
Curiosidades / Por: Gislaine Lima ás 0:41

Dica boa para o Soletrando, não?

1º. Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico (46 letras)
Relativo a uma doença pulmonar aguda causada pela aspiração de cinzas vulcânicas

2º. Paraclorobenzilpirrolidinonetilbenzimidazol (43 letras)
Substância presente em medicamentos como o Ultraproct

3º. Piperidinoetoxicarbometoxibenzofenona (37 letras)
Substância presente em medicamentos como o Baralgin

4º. Tetrabrometacresolsulfonoftaleína (35 letras)
Termo específico da área de química

5º. Dimetilaminofenildimetilpirazolona (34 letras)
Substância ativa em vários comprimidos para dor de cabeça

6º. Hipopotomonstrosesquipedaliofobia (33 letras)
Doença psicológica que se caracteriza pelo medo irracional (ou fobia) de pronunciar palavras grandes ou complicadas

7º. Monosialotetraesosilgangliosideo (32 letras)
Substância presente em medicamentos como o sinaxial e o sygen

8º. Anticonstitucionalissimamente (29 letras)
Maior advérbio da língua portuguesa, significa o mais alto grau de inconstitucionalidade

9º. Oftalmotorrinolaringologista (28 letras)
Profissional especializado nas doenças dos olhos, ouvidos, nariz e garganta

10º. Inconstitucionalissimamente (27 letras)
Sinônimo de anticonstitucionalissimamente

Quem gravar um vídeo pronunciando a 1ª palavra e enviar pro meu e-mail ([email protected]), ganha uma passagem para o México (só ida!)

Válido somente para esta semana.

Dica: Coluna Tri
lingua portuguesa, maiores palavras, maiores palavras da língua portuguesa
lingua portuguesa, maiores palavras, maiores palavras da língua portuguesa
maio
03
2009

Parkour, também conhecido como Le Parkour (O Percurso), é uma disciplina onde os praticantes – conhecidos como traceurs, ou traceuse, no feminino – usam seu corpo para passar obstáculo de uma forma rápida e fluente. No Parkour você aprende técnicas desde como subir um muro, até como pular de um lugar alto, porém o parkour NÃO É UM ESPORTE DE PULAR PRÉDIOS. Ele consiste em um homem correndo de alguém/algo e nenhum obstáculo pode pará-lo, mas, ele não é só isso, além de passar os obstáculos, você deve executar os movimentos da forma mais natural possível usando o obstáculo como se fosse parte do seu corpo. Vale a pena ressaltar que você treina o Parkour para você mesmo, você não faz movimentos para impressionar outras pessoas, até por que, isso pode resultar em sérias quedas.

O vídeo abaixo, mostra a verdadeira arte do Le Parkour. Confira:

Le Parkour, O Percurso, o que é Le Parkour, Parkour
Le Parkour, O Percurso, o que é Le Parkour, Parkour
abr
30
2009
Curiosidades / Por: Gislaine Lima ás 12:16

É interessante entender um pouco mais sobre essa epidemia, pois tenho certeza que muitos só ouviram/ouvem falar sobre o assunto, mas desconhecem sua importância, efeitos e causas. E como o insoonia também é cultura, decidimos repassar este conhecimento aos nossos leitores.

Bom, depois de amedrontar os mexicanos e americanos, a gripe suína ameaça se alastrar pelo mundo, num devastador efeito dominó, e já deixa em alerta autoridades sanitárias de vários outros países. A Organização Mundial de Saúde (OMS) afirmou que existe risco de uma nova pandemia mundial. (Pandemia= é uma epidemia de doença infecciosa que se espalha em toda a população localizada em uma grande região geográfica)

Por isso é importante entender o que é a doença e como ela surgiu. Com esse intuito, retirei da Revista Veja as perguntas seguintes que vão ajudá-los a entender bem sobre esta grave doença…

xin_4920406280844265392710

(mais…)

como surgiu a gripe suina, Gripe suína
como surgiu a gripe suina, Gripe suína
abr
23
2009
Curiosidades, Fotos / Por: Gislaine Lima ás 17:24

Olhe para a imagem abaixo e diga o que ela é:

1403772596_9267286cf8

É um morro? Se for, o que é esta fumaça branca que aparece na parte de baixo? Será névoa?

Nada disso, esta imagem é uma foto de uma cratera de um meteoro no Arizona mostrada de cabeça para baixo.

A imagem correta é esta aqui:

1403772558_d4f24eb5092

A “névoa” nada mais é que a luz do sol. Se não acredita salve a foto do seu computador e no visualizador de imagens faça ela girar.

Clonei daqui: Aula de Física

Curiosidades, física, Ilusão de ótica
Curiosidades, física, Ilusão de ótica
abr
23
2009
Curiosidades / Por: Gislaine Lima ás 9:58

alianca_7_0

Algumas histórias têm explicações diferentes. Existem muitas versões para o costume da aliança como símbolo de compromisso, mas nenhuma foi realmente comprovada.

Os egípcios acreditavam que nesse dedo (anelar) existe uma veia que está ligada diretamente ao coração. Então, a aliança colocada sobre essa veia estaria também ligada ao símbolo do amor.

Na Inglaterra medieval, a noiva usava inicialmente a aliança no dedo polegar (era moda nessa época) e no casamento o noivo ia mudando a aliança de dedo, enquanto recitava “Em nome do pai, do Filho e do Espírito Santo”. A cada menção, um dedo. Assim, do polegar chegava ao anelar e aí permanecia para sempre.

Outra é a de que o dedo anelar, da mão esquerda é o menos utilizado de todos os dez dedos. Dessa forma, a aliança ali corria menos riscos e estava mais protegida. Assim, também o amor do casal.

No entanto, a melhor explicação vem dos chineses. Vejam o vídeo abaixo:

Créditos: Quarto Ponteiro

aliança no quarto dedo, Por que usamos aliança no dedo anelar?
aliança no quarto dedo, Por que usamos aliança no dedo anelar?