INSÔÔNIA.com
2012 com cara de 2011. E de 2010, e de 2009, 2008…
jan
13
2012
Leitura da Noite / Por: Coruja ás 15:07

Opa, e aí corujas, como vão? Sentiram minha falta? (Posso ouvir um “sim” em algum lugar? haha)

Bom, já se passaram as festas de ano novo e acho que já caiu a ficha que 2012 começou de fato, né? Todo mundo já está correndo atrás dos compromissos de início de ano: vestibular (quem ainda não fez), SiSU, IPVA, e por aí vai. E infelizmente um outro acontecimento de início de ano também já mostrou força: as tragédias por causa de chuvas. Em Minas Gerais, Rio de Janeiro, novamente fomos obrigados a ver cenas que marcam qualquer um, desde o mais engajado até o mais indiferente. Pessoas morrendo e outros que perdem tudo – ou o pouco que tem – em minutos por causa das fortes chuvas. Mas será que a culpa é da chuva mesmo?

Infelizmente o Brasil não tem nenhuma tradição em prevenção de tragédias, como se vê em outros países. O famoso “jeitinho brasileiro” aparece até na hora da enchente, da destruição: governos e governantes providenciam rapidamente um dinheiro que poderia ter sido investido muito antes e aparecem para capitalizar politicamente e dizer que estão “trabalhando pelo bem das pessoas”. Ou seja, a mesma coisa todos os anos. Ninguém faz nada e depois aparece na TV dizendo que fez tudo.

Por que estou dizendo isso? Estamos em ano de eleição municipal. Nesse ano você tem a obrigação o direito de eleger as pessoa diretamente responsáveis pelo cuidado da cidade: o prefeito e os vereadores. Então que tal usar a eleição desse ano pra tentar evitar que nos próximos anos a gente tenha que ver essas mesmas cenas? É só analisar mais um pouquinho antes de escolher em quem votar. Simples. Só assim a gente consegue mudar. OK?

Bai @wesleytalaveira

anuncie

Blizhost hospedagem de sites
Para comentar você tem que estar logado no facebook. Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade sua.

Deixe seu Comentário