Plantão do Corujão!!! [2] | Blog Insôônia
O melhor jogo online
Plantão do Corujão!!! [2]
jan
30
2009
Leitura da Noite / Por: Gislaine Lima ás 0:41

Tema de hoje: BBB (Bolacha de Brigadeiro da Bauduco)

plantao_coruja-copia1

Que porcaria é esta?

Hoje vou falar desta merda que é o Big Brother Brasil, também conhecido pela infame sigla BBB(Bolacha de Brigadeiro da Bauduco), ou se preferir (big bosta brasil) é um reality show de divertimento barato que é realizado todos os anos pela Rede Globo de Televisão e que tem como apresentador o péssimo Pedro Bilau, jornalista que é uma espécie de Celso Portiolli Global.

Além de tudo, tem todo um jogo que é feito e que é baseado em competições idiotas e brigas igualmente idiotas, provocadas por questões pequenas como a arrumação da casa e a questão da comida, sendo que se tem até mesmo uma prova para ver quem ganha um almoço na faixa sem ter o trabalho de fazer.

Com Pedro Biafra (o chato/O Poeta) na posição de ditador apresentador do programa, o povo elimina a cada semana quem menos agradou na casa, ou seja, quem não comeu ninguém, não fez tramoia e falou mal da gordinha favelada que entrou na casa “por acaso”.

Até hoje somente o intelectual, mastologista e avatar de aquário “Dhomini” conseguiu a façanha de comer a gostosa da casa, xingar o apresentador e ainda ganhar o prêmio convencendo todo mundo de que ele é trouxa.

Quando o número dos participantes diminui bastante, eles são eliminados no paredão que infelizmente não é com munição real. Sendo assim, o povo tira da casa primeiro os fãs de Calypso, depois os corinthianos, e depois os fãs de Calypso corinthianos.

Ao final do programa os outros participantes fazem bico no Superpop, Zorra Total, Turma do Didi e podem até comer algumas estagiárias da casa. Ou virar lixeiros em area toxica hospitalar !!

Após isso, a emissora dos Hitler Marinho radicalizou e diminuiu a cota para negros (chamada de “cota para domésticas, serviçais e subalternos” no caso das novelas) para apenas 1% disso na sétima edição, que terminou com a vitória de um participante que carregava o sugestivo apelido de “Alemão”.

Se você for o cotista afrodescendente escolhido para participar do BBB provavelmente vai esquecer seu nome, porque dentro da casa será conhecido exclusivamente NEGÃO.

Se você for uma mulher finja que é burra e seja miss em qualquer roça que encontrar, lembre-se a Globo só quer puta-burra no programa!

Também é necessário ser um pseudo-intelectual e falar bem sobre o que não sabe, aliás, os telespectadores, um bando de ignorantes, vão te achar um mestre no assunto, juntamente com seu estilo descolado torna-se uma combinação perfeita para o imbecil a ser convocado. Aconselha-se ter habilidades em artes maciais para defesa pessoal (Como saber chutar mochilas após ser xingado e depois escorregar e cair de bunda no chão).

É absolutamente indispensável que o candidato tenha fluência no idioma oficial da casa, o uhúês, língua originária da imbecilândia. O uhúês é considerado o idioma mais obscuro do mundo, já que um único vocábulo, o “Uhúuuuu” é utilizado em 70% das orações, geralmente desacompanhado de verbo, substantivo, objeto e principalmente, sentido.

Caso seja gay ou emo (no fim, é tudo igual), esconda esse fato até ser enviado ao “paredão” pela primeira vez, então assuma-se como tal e acuse todos os outros participantes da casa de preconceito (ao contrário do preconceito contra negros, dizer que é gay dá certo no BBB, ainda mais se você fizer parte da segunda maior torcida de Minas Gerais). Isso fará os telespectadores acreditarem que você é uma pessoa autêntica e sofredora.

Mulheres geralmente devem ter um corpinho de Tati quebra-barraco, quando as exigências são muitas, uns 120kg a menos torna-se o adequado. Pede-se também que as mesmas tenham bom conhecimento do português padrão, para evitar transtornos comunicativos, e se for pra falar inglês, manifeste-se com bom conhecimento do mesmo, ao invés de cantar “ia riuo… iar d’silver..”. Mas sotaques caipiras são muito bem recebidos; nas palavras da cientista doutorada em física quântica Sabrina Sato, “é verrrrrrdade!“.

BBB é caracterizado pelo seu alto número de regras que vai aumentando cada vez mais, podendo se comparar á livros de rpg de grande dificuldade, a cada edição as regras vão aumentando em uma proporção que pode ser visto nessa fórmula:

Nº de regras da edição = nº de regras da edição anterior + [(nº de regras da edição anterior / 2) + 9].

Por isso mesmo, o esquema do Big Brother é muito complexo e quase insolúvel, mas tentarei ser breve: um bando de vagabundos inúteis fica preso em uma casa por três meses, fazendo muitas coisas, como festas, putaria, fofocagens, festas, putaria e fofocagens. O público imbecíl, que não tem o que fazer, vota naquele que menos gosta e o sujeito tem o seu traseiro chutado para fora da casa, tendo uns dias de fama. Ganha o idiota que sobrar dentro da maldita casa. O programa lembra muito a política romana do pão e circo (panis et circensis), como a vivida pelos antigos gladiadores. Só que tiraram a parte divertida – a matança – e trocaram por cenas de sexo quase explícito. Mas já que é uma porcaria mesmo, então tudo pode acontecer nessa merda.

A Rede Globo confina todos em um hotel antes de começar o programa para passar os textos e decidir quem vai ser o vilão, o mocinho, o pegador, a gatinha safada, a gatinha timida, os casais, e etc. depois a globo escolhe quem vai pro paredão e quem vai sair apresenta uma porcentagem conveniente.

Na primeira e na segunda semana todo mundo é “amigo”, e ficam dizendo sempre a mesma coisa na hora de votar: “Nem deu tempo de conhecer as pessoas direito, é difícil Bial!! Mas eu vou votar no fulano, mas não é porque eu não gosto dele, é porque nós quase não conversamos, a gente se conhece pouco!”

A seleção dos participantes

No geral se selecionam parentes, amigos e gostosas que estejam com a finalidade de passar pelo famoso Teste do Sofá e conseguir uma vaga definitiva entre os atores da Rede Globo, bem como algum pobre coitado que tente a sorte na porta da esperança.

Dos 27 estados do Brasil, são escolhidos em toda edição do BBB, 4 paulistas e 6 cariocas, sendo que os não cariocas devem se esforçar em perder seu sotaque caipira e pronunciar “shh” em de “s” e mandar goela abaixo o seu “rrr” se quiser que as suas chances aumentam consideravelmente, salvo se o sotaque caipira for de paulista.

Ser branco é praticamente um pré-requisito, sendo que caso você seja negro, índio ou de outro tipo vai ter sorte de entrar no grupo (na verdade as vezes uma dupla) de concorrentes que são convocados para evitar o aspecto racista do programa, porém, ele persiste.

Há suspeitas que essas mesmas pessoas em geral são manipuladamente excluídas do programa logo nas primeiras semanas.

No entanto, nas primeiras seis versões, ainda tivemos quatro vencedores afro-descendentes (embora mais clarinhos, a saber: Bam-Bam, Cida, Jean e Mara), para azar da emissora germano-brasileira que organiza o programa.

Por isso mesmo, é verdadeiro o argumento de que o programa é a maior farsa da história da TV brasileira, mas apesar disso o público que assistiu aos outros 8 programas da série já teve o QI reduzido o suficiente para achar que é tudo verdade e que é tudo como aparenta.

Os brothers não fazem nada além da própria comida até que um dos “contratados” resolva fazer um teatrinho na intenção de tirar com os competidores mais fortes da casa, deixando sempre aquele que se faz de emo ou de pobre coitado, aquele que ao final acaba levando o programa.

Há rumores de que a Rede Globo resolveu criar uma disputa interativa no 8P para ver qual o emo mais carismático e mais preparado para participar do Big Brother Brasil com a intenção de fazer de poser com os emos miguxos, mas este é um boato não confirmado que rola como as lendas urbanas da internet, como Jaddeylza, Marimoon e Samara.

Existem até dicas do que seria necessário para entrar no BBB, que seriam essas:

Dica 0 : Não existe dica número 0 .

Dica 1 : Para ter chances de ganhar o BBB você precisa ser Gay, Emo, Puta, Mendigo, Caipira, Pobre, Burro (a), Gostosa, Carioca, Amigo do dono da Globo ou ao menos parente do Chuck Norris.

Dica 2 : Não questione a dica número 1.

Dica 3 : NUNCA questione a dica número 2.

Além disso, temos pré-requisitos que são necessários para garantir o seu sucesso no programa, que são as seguintes:

1. Ter mais de 18 anos (isso nao conta com sua idade mental);
2. Ter feito curso de atuaçao;
3. Ser um sacoleiro que ganha 2500 reais por mes;
4. Ter no maximo 10 pontos de QI numa escala de 1 a 1000;
5. Nunca ter passado da primeira serie;
6. ter um teclado quebrado ( que nem o meu);
7. respeitar os mandamentos (do preguiçoso);
8. Saber dançar o creu mais nao saber dançar o tchan;
9. morar no sudeste;
10. Ter um apartamento numa zona rica de sao paulo ou rio de janeiro, quero dizer uma comunidade pobre;
11. Ganhar 3 carros 2 motos e R$ 1.000.000,00 e num fazer nada com o dinheiro e dar os carros pras irmãs(caso do emo puto Rafinha).

E além disso não tem novela sem casais, e sempre há um casal 20 no BBB – mesmo que de mentirinha.

BBB1: Serginho e Vanessa

BBB2: Thirso e Manuela

BBB3: Dhomini e Sabrina

BBB4: Dourado e Juliana

BBB5: Alan e Grazi

BBB6: Rafael e Mari

BBB7: Alemão e Siri

BBB8: Fernando e Nat

BBB9: Josiane e Newton

Nota: todos se separaram após o fim do programa.

E por último, quando a farsa o programa acaba, eis que surge um vencedor.

De todas as edições, os idiotas que a Globo escolheu foram:

BBB 1 – Kleber Bambam – Troglodita bombado que vivia grudado na sua boneca inflável Maria Eugênia. Agora é um célebre idiota humorista da Turma do Didi Zorra Total. Seu Q.I é de -0,000000000000000001 pontos.

BBB2 – Caubói Viado – Só ganhou por falta de opção, serviu de inspiração para música do “Caubói Viado” e para o filme O Segredo de Brookeback Mountain

BBB3 – Dhomini – Cabeção, Goianim e Minerim, assesor de político foi o personagem mais intelijegue do programa, manipulou todos fazendo participarem de suas idiotices e divulgando sua seita demoníaca. Vulgo Esfera, Círculo, Redondo…

BBB4 – Cida – Babá, empregada, faxineira, pobre, burra etc. Não fez sucesso nenhum, ninguém nem se lembra quem é!

BBB5 – Jean Wyllys – Viadinho. Dentro da casa formou a aliança arco-íris, o lado “colorido” da força foi aprovado pelo público e acabou ganhando. Lançou uma autobiografia que vendeu dez cópias e hoje roda o mundo, sobrevivendo apenas com o dinheiro que consegue com a venda de seu próprio corpo.

BBB6 – Mara – Lavadeira. Passou o tempo todo lavando a roupa dos outros enquanto eles se divertiam e se pegavam dentro da casa.

BBB7 – Alemão – Namorado do Bial, formou um triângulo amoroso, conspirou contra os colegas, formou paredões, combinou votos, mas mesmo assim o Bial achou lindo e Você também.

BBB8 – Rafinha – emo que chorava todas as vezes que as meninas da casa se esfregam nele. Dizem por aí que na verdade ele seria o Lucas do Fresno, no entanto pela falta de talento, ninguém em sã consciência acreditaria nisso (ou não).

BBB9 – A globo guardou a 7 chaves. O ganhador dessa edição só o bilau e o bobinho sabe.

E pra terminar… Oportunidades pós-BBB

Se você for um bom moço, você arrisca a ganhar o prêmio do programa e durante algum tempo a Globo vai insistir para que você siga carreira artística, ainda que não tenha o menor talento.

Além disso, você sempre será procurado para programas de segunda linha, como os do SBT e os da Rede TV!, ou mesmo pelas revistas de fofoca para dar opiniões sobre… o BBB!

Já se você é um bad-boy, você arrisca de virar um delinquente depois de muuuuito tempo que sair da casa, quando já estão infames, ou seja sem fama.

Funciona mais ou menos assim:

Depois de alguns meses que o participante sai do BBB, ele é esquecido pela mídia e isso acontece também com os vencedores do programa.

A não ser que você tenha a sorte da Grazi ou da Sabrina Sato, que arranjaram belos paitrocínios, você com certeza estará fadado ao esquecimento assim que suas participações em Zorra Total e afins acabe e a sua Playboy se esgote.

Depois de dois anos no esquecimento a única forma de tentar ficar em evidência novamente é começar a traficar e consumir drogas, de preferência acabando por ser preso por cheiramento de gatinhos, fumar cocaína, dentre outras dessas coisas caóticas. E viva a desciclopedia!!!

Gislaine Lima
(Bolacha de Brigadeiro da Bauduco), plantão do corujão
Gislaine Lima
Os comentários do blog são via facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade sua.

Deixe seu Comentário

Todos os direitos reservados - 2016
Todos os direitos reservados - 2016