Peripécias de um motel #02 | Blog Insôônia
O melhor jogo online
Peripécias de um motel #02
maio
18
2011

Falaaaa corujadaa!!! Enfim quarta feira! E quarta feira é dia deeeeeeeeeeeeeee….

“Peripécias de um motel” – Todos chora de emoção! Rsrsr

Primeiramente, queria agradecer todos os comentários, críticas e ‘boas vindas’  do primeiro post. Realmente os leitores do Insoonia.com são uns lindos viu! *_____*

Adorei muito, muito, muito!! Lembrando, quem não me seguiu o twitter segue aê! @aline_leitte.

Bom, como vocês sabem deixei 3 histórias para vocês escolherem: A anãzinha e o Negão, 4 homens e um Hortifruti, O Sumiço do pinto do Sr. Juventino… E a mais pedida fooi… (Lembrando que, por mais que pareça estranho, é 100% verdade heim!!!)

O SUMIÇO DO PINTO DO SR. JUVENTINO


Juventino (nome fictício) é um senhor, cliente fiel do motel.Semanalmente, ou até mesmo duas vezes na semana ele chega de táxi, aluga um apartamento e chama uma garota de programa.Ok. Normal.

Se não fosse por um pequeno detalhe.

Assim que Sr Juventino começou a freqüentar o Motel ele adquiriu alguns itens: Uma calcinha vermelha chamada sapequinha, que tem um furo na frente e outro furo atrás, lubrificante, alguns preservativos com sabor e um HP209-N.

Vocês devem estar se perguntando: “O que seria um HP209-N? “

Meus caros leitores. HP209-N é uma prótese maciça, em silicone anti-alérgico, nas dimensões 16cmx4cm com cinto. Ou seja, um vibrador com uma espécie de calcinha onde a mulher veste e…enfim!

Após as compras e provavelmente se utilizar dos produtos, Sr Juventino se encaminhou á recepção e pediu para que uma caixa de sapato fosse mantida ali. Como é cliente conhecido, passamos a guardar a tal caixa. Curiosa como qualquer ser humano. Assim que ele me deixou a caixa da primeira vez, resolvi olhar do que se tratava.  Eis que lá, se encontrava a calcinha, alguns preservativos, o lubrificante e o tal vibrador com o cinto.

Assim, fielmente Sr Juventino continuou a freqüentar nosso querido estabelecimento. Assim que lhe era entregue a chave do quarto, era entregue também a sua “caixa da diversão” rsrs Logo que ele deixava o apartamento, colocava a caixa na boqueta, (boquetA viu . cabecinhas sujas!) e alguma das camareiras levava a caixa para ser guardada novamente.

Isso permaneceu durante meses! Rsrs

Então em um certo dia, Sr Juventino chega e como de costume pediu a caixa. Foi lhe entregue a chave, mais a caixa não estava no lugar de costume. Mandei-o pro apartamento, e disse que provavelmente haviam mudado ela de lugar, e que mandaria alguma camareira levar pra ele. Procurei, procurei, procurei, procurei e nada! Meus Deus! Cadê o pinto do Sr. Juventino? O turno inteiro começou a buscar a caixa, mais nada foi encontrado. Tive que ligar para ele, e informar que a caixa não se encontrava lá. “Senhor, procurei a caixa mais ela não está aqui”.

Já meio exaltado ele afirmou que havia deixado ela no apartamento da ultima vez, e que teríamos que dar conta dela. Tentei argumentar que já havíamos procurado, e que a caixa havia sumido. Do outro lado da linha ele gritou “Estou indo aí agora”.

Pensei comigo. “Agora FODEU!”

Sai do quarto com ódio no olhar aquele senhor franzino, já meio careca. Chegou e perguntou: “Cadê a minha caixa?” Respondi que não sabia. Que já havíamos procurado em todos os lugares e que não a encontramos.

“Como assim vocês não encontraram? Eu deixei aqui da ultima vez.” Nessa hora fiquei sem argumentos, já havia tentado me explicar com ele de todas as maneiras.

Então o velho explode:

“Cadê meu pinto? Eu quero meu pinto! Quem foi que roubou o meu pinto.”

Fiquei sem reação, tipo Barbie na caixa!

Ele continuava gritando, esbravejando “Roubaram o meu pinto, eu quero o meu pinto. Moça, a calcinha não precisa, mais eu quero o meu pinto.”

Então ele resolve voltar pro quarto, mais passa 10min ele volta.

“Acharam o meu pinto?” Respondi que não. Ele continuou surtando:

“Como é possível meu pinto ter sumido. Eu paguei, então eu quero o meu pinto”

Nisso só ele falava. Eu não tinha o que falar. Eu só via aquele senhor que aparentava uns 60 anos, quase enfartar por causa de um pinto!

Até que depois de quase 50min de crise o Sr. Juventino interfona. Acho que ele se deu por vencido e resolveu comprar outro vibrador! Assim que ele deixou o apartamento, deixou um bilhetinho junto com seu “meninão” que dizia assim: “Favor guardar com responsabilidade.”

Vê se eu aguento!!! =)

E o pinto? Onde foi parar?

Depois de um tempo, descobrimos que uma camareira levou ele embora. Coitada…vai saber, acho que fazia tanto tempo que ela não via a coisa, que quando viu, resolveu levar pra ela. Pra se divertir um pouco. Rsrs

Bom galera. Espero que tenham gostado! E pra semana que vem? O que vai ser?

1. Pâmela, o travesti brigão

2. Noiva em fúria

3. Vanessão, cadê o dinheiro?

Até semana que vem! by Aline

Os comentários do blog são via facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade sua.

Deixe seu Comentário

Todos os direitos reservados - 2016
Todos os direitos reservados - 2016